INOVA BERRINI

Praça Maria da Conceição da Costa Neves

Por: Eddy Kobara

Existe um pedacinho de terra cravada no asfalto onde fica uma pequena praça colorida com flores e árvores frutíferas. Anos atrás, talvez, nem de praça poderia ser chamado aquele canto de esquina esquecido, onde o mato crescia e invadia a calçada…


A praça Deputada Maria da Conceição da Costa Neves fica bem na bifurcação da avenida Nova Independência com a rua Porto Martins, no Brooklin. Os tempos de abandono ficaram para trás e hoje parece saída daquelas estórias que contam sobre lindos jardins secretos onde é possível sentir o aroma dos frutos silvestres e ver borboletas pousando nas flores.

Dia destes, voltando a pé de uma reunião, passei em frente da oficina Moretto Pneus. O dono, seu Francesco, logo me reconheceu e disparou:

– Você é o rapaz da revista, né? Precisa entrevistar aquela senhora que cuida todo dia da praça da Nova Independência. Faça chuva ou faça sol lá está ela para cuidar e deixar a praça linda!

Recado dado, saí da Padre Antônio (que insisto em chamar de “Central”) e entrei pela Nova Independência em direção à Guararapes. Foi fácil encontrar a “tal senhora”, a mesma que já tinha visto várias vezes com o pincel na mão, retocando com esmero a cerquinha de madeira.

crédito da foto: Patricia Engel Secco

Dona Neise é moradora do bairro desde 2003 e há seis anos promoveu sozinha a magia da transformação. Com a enxada na mão foi carpindo, cortando o mato, plantando mudas de árvores, cuidando do jardim e das plantas. Daí surgiram pés de café, abacateiro, graviola, pitangueira, amoreira, acerola, fruta do conde, caqui, limão e mangueira. Dia após dia, na chuva ou no sol, como disse seu Francesco, as árvores cresceram e as plantas floriram. Quem passa pela avenida agora tem um banco para sentar-se à sombra. O cantinho esquecido transformou-se em um espaço cheio de beleza e vida!    

2011: falta de cuidados e abandono (imagens Google)
2014: as cerquinhas coloridas, bancos e as primeiras mudas plantadas
2017: árvores e plantas já cresceram bastante
2020: um oásis verde no meio da rua
Pés de café espalhados pela praça

Mas afinal quem deu nome à praça?

A mineira Maria da Conceição da Costa Neves nasceu em 1908, e foi uma mulher muito, mas muito a frente de seu tempo, deixando um legado impressionante antes mesmo de surgirem os movimentos feministas dos anos 60.

A atriz “Regina Maura” do elenco de Procópio Ferreira, que mais tarde ingressou na política

Aos 21 anos, com o nome artístico de Regina Maura, percorreu os palcos do país com Procópio Ferreira e sua Companhia Teatral. Afastou-se do teatro em 1938 para casar-se com o médico Matheus Galdi Santamaria, de quem se separou legalmente em 1955.

Durante a Segunda Guerra Mundial, foi diretora da Cruz Vermelha Brasileira e também uma defensora incansável das vítimas de Hanseníase, fundando a Associação Paulista de Assistência ao Doente de Lepra, um importante instrumento contra o preconceito e estigmatização dos doentes colocados à margem da sociedade. Mas foi na política que obteve seus maiores êxitos: foi fundadora do Movimento Democrático Brasileiro (MDB), elegeu-se deputada estadual pelo Partido Trabalhista Brasileiro (PTB) e a única mulher eleita à Constituinte Paulista, com 12.119 votos.

A deputada Maria da Conceição da Costa Neves na ALESP

Como diria Procópio Ferreira sobre sua companheira, em seu livro de memórias:

“É uma mulher que nasceu para ser alguém, e o é na realidade. É difícil colhê-la de surpresa. O seu chicotinho sempre em riste, estalando no ar, e os leões murchando a orelha. Não adianta acompanhar o circo na esperança de ver um dia o leão devorá-la. É inútil, tão inútil, que os leões já se convenceram disso e à sua aproximação, em vez de urrarem, começam a miar baixinho. Eu fui um deles…”



Alinhando as estórias

A incansável d. Neise não para. A praça se divide em duas partes, atravessando a rua Grapecica, há uma estreita faixa de terra, ao lado de um prédio residencial que cuidava de sua manutenção.

O outro lado da praça deputada Maria da Conceição da Costa Neves

Recentemente, no lugar da “coroa de cristo” com seus espinhos contundentes que afastavam até pensamento, surgiram as charmosas estacas coloridas dando aquele ar de jardim bem cuidado de casa da avó. Agora é d. Neise que cuida deste pedaço também!

E o que a praça ainda precisa? –  perguntei.  Dona Neise abriu um sorriso:
Iluminação, está muito escuro à noite !

Na realidade a praça já está iluminada pelo amor de d. Neise para com a natureza. Talvez, sem querer, cuidando da praça, ela também lance um feixe de luz para não deixar a memória de quem emprestou seu nome à praça ficar esquecida num canto da história.

Onde fica: Praça Dep. Maria da Conceição da Costa Neves
Rua Porto Martins x Av. Nova Independência

Moretto Pneus e Serviços
site: http://www.pneusmoretto.com.br/wp4/
Av. Pe. Antonio José dos Santos, 1600
Tel: 
5506-9054

Veja também:

Tagged in

12 comments

  1. Mara Oliveira disse:

    Muito carinho!!!!

  2. Carmen Lucia disse:

    Muito legal e ilustrativa está matéria, fiquei conhecendo quem foi a Sra Maria da Conceição da Costa Neves, sou moradora do bairro a 47 anos e desconhecia essa história, qto a nossa Neise é merecedora de aplausos pelo trabalho q ela executa na praça por livre iniciativa e amor a natureza.

    1. Eddy disse:

      Olá Carmem Lucia, já leu nossa matéria “Memórias Berrinenses” (http://inovaberrini.com.br/2019/12/memorias-berrinenses/). Acredito que irá se identificar com algumas das estórias contadas. Obrigado pelo comentário!

  3. Artur Cristina Duarte disse:

    Parabéns para essa mulher dn. Neide, eu morei aí em São Paulo, na rua Rio da Prata que é travessa da rua Nova independência, eu vi esse bairro se transformar desde 1954 , essa oficina de pneus do Moreto , que tinha um apelido o qual eu não me recordo no momento, na verdade a av Padre Antônio José dos Santos. Era antiga Av. Central , tenho aí muitos amigos, hoje moro em Mato grosso do Sul a 25 anos, abraços a todos.

    1. Eddy disse:

      Que bom saber que acompanhou as mudanças do Brooklin. Nossa matéria “Memórias Berrinenses” (http://inovaberrini.com.br/2019/12/memorias-berrinenses/) conta a estória de uma família e sua ligação com o bairro. Também há uma comunidade no Facebook chamada Galera do Bronk’s com estórias e fotos antigas do bairro!

  4. Luiz disse:

    Parabéns pelos serviços prestados e que nós moradores recebemos com muito amor e admiração.

  5. Cristina Stoll disse:

    Que legal parabéns pela matéria fico muito feliz em saber o nome da pessoa que cuida com tanto amor e carinho dessa Praça maravilhosa é mesmo faça sol ou chuva ela está lá carpindo, pintando, cuidando das árvores e sempre sozinha já presenciei muitas vezes!!! Ela merece nossos agradecimentos e todo respeito!!! E concordo com ela só falta iluminação à noite nem passo na calçada atravesso para o outro lado!!! Por mais Neise nesse mundo!!! Gratidão

    1. Eddy disse:

      Obrigado por seu comentário, Cristina. Enviamos a matéria para sub-prefeitura de Pinheiros. Quem sabe a d. Neise não toca o coração de alguém por lá, não é?

  6. Luis Santos disse:

    Como entro em contato com a dona Neide? Moro na Indiana, e tenho uma muda de Grumixameira que plantei de semente (tem uma Grumixameira na Indiana) e que gostaria de doar a ela para plantar mas praça.

    1. Eddy disse:

      Que bela iniciativa Luis! Já encaminhamos sua mensagem à d. Neise. Assim que recebermos a resposta entraremos em contato.

  7. Márcia Aparecida Dos Santos Batista De Melo disse:

    Fico muito orgulhosa de ter pessoas que ainda tem este carinho, por um bairro que amoo, morei por anos no Brooklin, conheço bem este espaço, é realmente está lindo, morei na nova independência por bons anos de minha adolescência, em fim eu saí do Brooklin mais ele não saiu de mim, vi este bairro crescer , ainda um brejo, morei na Berrini, sou realmente cria do Brooklin, casei e me mudei, mas continuo amando o meu Brooklin, particularmente agradeço este cuidado , com está praça tão lindinha e acolhedora, passei muito neste pedacinho de terra, quero voltar aí para ver de perto este cuidado todo, Parabéns a esta senhora por todo este zelo.

  8. Dora disse:

    Parabéns, Dna Neise!  
    Que DEUS, continue te abençoando e iluminando cada dia mais…

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *