INOVA BERRINI

Polícia Militar e o Conseg Brooklin

A região da Berrini é monitorada pela 3a. Companhia do 12o. Batalhão da Polícia Militar de São Paulo que abrange em sua circunscrição o Brooklin Novo, Cidade Monções, Vila Olímpia, Moema e Vila Cordeiro. Esta também é a área de atuação do Conseg Brooklin, que tem como membros natos o capitão da P.M e o delegado da 96a. Delegacia de Polícia.

Reunião do Conseg Brooklin no auditório da EMESP Tom Jobim

Por mais de cinco anos, o major da Polícia Militar, Daniel Kumai frequentou mensalmente o Conseg Brooklin, onde abria a reunião expondo aos munícipes as estatísticas de criminalidade, ocorrências e apreensões tais como furto e roubo qualificado, tráfico de drogas e até quadrilhas especializadas em sequestro relâmpago.

Em março na Av. Dr Chucri Zaidan x Av. Morumbi, apreensão de veículo com 03 suspeitos após roubos ocorridos na loja de conveniência do posto Ale.

Com a voz tranquila e posicionamento firme ressaltava a importância de se fazer o Boletim de Ocorrência para ficar registrado nos Indicadores da Criminalidade do município e assim permitir o melhor planejamento de ações policiais no bairro. Entre um fato e outro, havia espaço para dicas valiosas sobre segurança e breves narrativas sobre a rotina diária dos policiais, suas angústias e tristezas na perda de um companheiro, as dificuldades do dia-a-dia, as alegrias ao conseguir uma operação bem sucedida e assim ia construindo vínculos e humanizando o relacionamento entre polícia e munícipe.

É muito bom quando recebemos um bom dia do comerciante do bairro ou morador. Por trás da farda também existem pessoas.“, disse Kumai em uma das reuniões do Conseg.

Na Vila Olímpia, o menino fez questão de presentear a policial militar com uma caixa de bombons.

Por mais que o controle emocional faça parte da profissão do policial, às vezes um gesto ou situação emociona como nos conta Kumai na ocorrência desta semana com a Daniele, 16, que voltava a pé para casa da Vila Mariana até o Jabaquara e foi abordada num assalto:

“Conseguimos agir rápido, prender o criminoso e evitar o pior. Quando perguntamos o que ela fazia caminhando aquele horário na avenida, ela contou que iria começar no novo emprego de assistente de telemarketing e estava economizando os R$ 7 que tinha no bolso para a condução do dia seguinte. Aquilo nos comoveu de tal forma que tiramos o que tinha na carteira para dar à ela. O cabo Gleidson e o soldado Michel também contribuíram e deu para juntar uns R$ 30 para ela usar no transporte ao trabalho.”.

O major Kumai recebendo a homenagem do presidente do Conseg Brooklin, Sergio Lucon. Ao seu lado o delegado Murilo da 96. Delegacia.

Desde dezembro do ano passado, o até então capitão Kumai não frequenta mais as reuniões do Conseg mas por um bom motivo: depois de 22 anos no Batalhão foi promovido a major. O também recém-promovido capitão Corce está no comando da 3a.Cia e passará a frequentar sua cadeira nas reuniões que estão suspensas por causa da pandemia do novo coronavírus.

Major Kumai e o Conexão Berrini: Gabriela Marques, Marco Braga, Marcelo Kubli e Luciano Montenegro

Kumai também participa das reuniões do Conexão Berrini, grupo formado por empresários, lideranças da comunidade e cidadãos engajados em projetos para tornar a Berrini (e seu entorno) uma região cada dia mais bonita, segura, agradável e moderna.

Foi através destes encontros que se identificou a necessidade de implantar uma Base comunitária Móvel na Berrini e, com a doação de um terreno do DER à Polícia Militar, foi possível viabilizar o projeto. “Conheci o Daniel Kumai em 2014, nas reuniões do Conseg Brooklin. Ele sempre esteve presente nos ajudando a melhorar a segurança no bairro. Com seu jeito humilde e com muito respeito conquistou a todos!” relembra Marco Braga, do Conexão Berrini.

E a boa notícia para quem mora ou trabalha no Brooklin é que ainda poderemos contar com o olhar zeloso e vigilante do major Kumai. Apesar de não participar mais das reuniões do Conseg, ele continua no 12o. Batalhão coordenando o trabalho dos capitães que comandam as companhias operacionais.

(crédito das fotos: Conseg Brooklin)


3a Cia do 12o. BPM/M
Av. Quarto Centenário, 1450
tel: 3848-9236

Veja também:

3 comments

  1. Cecilia Stama disse:

    Como sempre, informações pertinentes ao nosso bairro Que nos dá notícias que quase ninguém sabe e assim nos põe a par dos acontecimentos atuais . 

  2. Vanderlei Zanete Ascencio disse:

    Houve 2 assaltos dentro de uma semana a residências aqui na rua Geraldo Bourroul n 163 está Rua fica entre a Rua brejo Alegre e a Kanssas.tenho câmeras gravadas de uma residência que filmou tudo são 3 milicianos o primeiro assalto foi sexta feira dia 10/07/2020 na residência de um casal quando chegavam por volta das 20.25 da noite. Levaram celular e joias. É no dia 14/07/2020 Por volta das 17hs os mesmos arrumaram o portão da casa de uma idosa de 80 anos e quando os moradores gritaram os mesmos se evaporam. Nos se encontramos infelizmente sem uma ronda da polícia militar. É os mesmos segundo moradores já foram vídeo no bairro.

    1. Eddy disse:

      Obrigado pelos comentários, Vanderlei. Sobre o que relatou seria importante encaminhar a demanda ao Conseg Brooklin para acompanhamento junto às polícias Civil e Militar com o informando número do o Boletim de Ocorrência.

      Conseg Brooklin: https://www.facebook.com/consegbrooklin/
      email: consegbrooklin@gmail.com

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *